Quarto do bebê: muitas cores além do rosa e do azul

 

A decoração do quarto do bebê é algo que as mães começam a pensar desde os primeiros sintomas de gravidez.

Muitas esperam até saber o sexo do bebê para decidir a cor de todo o enxoval e dos móveis, quadrinhos de parede, kits de higiene, etc.

A questão deixou de ser: rosa ou azul?  E passou a ser: qual cor?

As inúmeras possibilidades e paletas do arco-íris instigam a criatividade de arquitetos e realizam os sonhos das mulheres que querem um espaço exclusivo para seus filhos que irão chegar.

Temos algumas dicas e sugestões sobre as cores e sobre o astral que elas trazem ao ambiente infantil, seguindo os princípios da cromoterapia.

 

Roxo, Lilás ou Lavanda

 

            A cor lilás foi uma das primeiras a despontar nas alternativas de cores, principalmente para meninas. O seu efeito está muito ligado à espiritualidade e propicia um ambiente de calma tanto para o bebê quanto para a mãe.

            Em busca da tranquilidade e equilíbrio, a mistura do azul com o vermelho faz desse tom uma ótima opção em todas as suas variações.

 

Amarelo

 

O amarelo sempre foi uma cor considerada “unissex”, tanto que quando não se sabia o sexo do bebê, era comum que as pessoas comprassem presentes e roupinhas desta cor.

Além de poder ser usado nos quartos das meninas e dos meninos, o amarelo tem propriedades incríveis para o bem-estar do seu bebê. É a cor que estimula a inteligência e a criatividade e que propicia o bom o humor e a alegria.

Por ser uma cor quente estimulante, recomenda-se dosar seu uso com cores mais neutras como branco e bege.

 

Verde

 

                É no verde das florestas que moram os bichinhos mais fofos e outros temas de decoração onde predomina esta cor.

            O verde é considerado a cor da natureza e seu uso nos quartos infantis representa relaxamento e harmonia.

            Cor fria, que traz uma diminuição de temperatura no ambiente, mas que ao mesmo tempo o torna muito aconchegante. Ideal para curtir os momentos de amamentação a sós e criar um vínculo especial para toda a vida.

 

Branco

 

            Como assim, branco? Sim! A cor branca é uma tendência que permite criar e brincar com todas as outras cores do arco-íris.

            A sensação de paz e tranquilidade transforma o cenário em uma tela pronta para ser pintada com os objetos e brinquedos do seu filho.

            Simboliza a pureza, a inocência e dá um aspecto de limpeza e de amplitude, mesmo que o quarto não seja tão grande.

            A sua variação, o off-white, tem um brilho perolado que dá um charme todo especial e sofisticado ao enxoval e estofados desse espaço.

 

Como decidir

 

Essa é a tarefa mais complexa. Com tantas cores e tantos benefícios para o seu bebê, é normal ficar confusa.

Antes de escolher a cor definitiva e montar o quarto, pense em como você deseja que seu filho se sinta naquele lugar. Pense nos momentos que passarão juntos e o que você tem de melhor para ofereceara esse serzinho que está chegando ao mundo. Como você quer que ele se sinta?

Se as dúvidas perdurarem, procure um profissional para ajudar em sua escolha. Existem excelentes arquitetos que são especializados em decoração de quartos infantis e, com o uso da tecnologia, você visualiza o projeto pronto na tela de seu computador para não ter surpresas desagradáveis.

Agora é só optar pela cor que mais lhe agrada e acolher com todo carinho o novo habitante da casa!

<img alt=""