Existem muitos mitos sobre o que as mulheres podem e o que não podem fazer durante a gravidez e a acupuntura é um deles.

A técnica milenar chinesa é reconhecida em todo mundo por estimular pontos do corpo através de agulhas, trazendo alívio para dores e equilíbrio para algumas funções do corpo.

Justamente por ter resultados comprovados é que seu uso é feito para os mais diversos propósitos, dentre eles, para melhorar a performance de atletas, tratar dores crônicas, estimular a produção hormonal e também para tratar de todos os sintomas da gestação.

Desde 1995 é reconhecida como especialidade médica pelo Conselho Federal de Medicina (CFM), sendo assim, apenas médicos, médicos veterinários e cirurgiões dentistas é que podem aplicá-la. Isso porque o método é invasivo e antes de qualquer tratamento é necessário um diagnóstico de um especialista.

Para as grávidas que estão pensando em fazer acupuntura, consultem antes seu médico e certifique-se de que a aplicação será feita por um que tenha prática e conhecimentos para esse período da vida da mulher.

 

Alívio dos incômodos da gravidez

No período de gestação os hormônios femininos estão em ebulição. São tantas emoções e descobertas ao mesmo tempo que o corpo muitas vezes não consegue relaxar.

Temos que considerar também as mudanças físicas, barriga crescendo, inchaço nas pernas, pressão nas costas e seios maiores.

Todos esses sintomas podem ser aliviados com a acupuntura! E o melhor, o seu uso diminui a necessidade de medicamentos, já que ela tem um efeito analgésico.

Isso acontece porque os pontos estimulados enviam ao cérebro mensagens através de neurotransmissores e rapidamente as células afetadas são ativadas bloqueando a dor ou estimulando a produção de substâncias químicas necessárias naquele momento.

Enxaquecas e enjoos têm melhoras consideráveis, assim como as dores na região lombar.

 

De bem com a vida

Não são apenas as dores físicas que a acupuntura na gravidez pode aliviar. Naqueles dias em que o cansaço bate mais forte, que a preguiça é grande para realizar pequenas tarefas e até para praticar uma caminhada, ela pode ajudar bastante.

O equilíbrio do corpo depende dos elementos químicos que são liberados em nosso organismo e não é bom estarem em falta ou em excesso.

O tratamento melhora a energia e libera hormônios como a serotonina, conhecida como o hormônio da felicidade, melhorando o humor, a qualidade do sono, apetite e outras funções.

Fique de bem com a vida, especialmente nessa fase. A alegria só faz bem para mãe e filhos!

 

Comece quando quiser

Seja no início ou no final da gestação, a aplicação da acupuntura pode ser iniciada em qualquer fase.

A maior recomendação é a de escolher um profissional qualificado, se possível especialista em acupuntura gestacional, já que alguns pontos não devem ser estimulados nesse período.

Comece quando quiser e continue também! Após o parto a acupuntura pode ser aplicada para trazer mais tranquilidade na hora da amamentação e para o equilíbrio em geral da mãe.

É por isso que a loja da Criando tem que ser a primeira parada das mulheres gestantes antes das sessões, porque é onde elas encontram roupas confortáveis e que as ajudarão a relaxar!